Força Aérea Brasileira

 

A hierarquia e a disciplina são a base institucional das Forças Armadas. A autoridade e a responsabilidade crescem com o grau hierárquico. Hierarquia militar é a ordenação da autoridade em níveis diferentes. A ordenação se faz por postos ou graduações, dentro da estrutura das Forças Armadas. O respeito à hierarquia é consubstanciado no espírito de acatamento à sequência de autoridade. Disciplina é a rigorosa observância e o acatamento integral das leis, regulamentos, normas e disposições que fundamenta o organismo militar e coordenam seu funcionamento regular e harmônico, traduzindo-se pelo perfeito cumprimento do dever por parte de todos e de cada um dos componentes desse organismo.

Os deveres militares emanam de um conjunto de vínculos racionais, bem como morais, que ligam o militar à Pátria e ao seu serviço, – e compreendem, essencialmente:

– a dedicação e a fidelidade à Pátria;
– o culto aos símbolos nacionais; a probidade e a lealdade em todas as circunstâncias;
– a disciplina e o respeito à hierarquia;
– o rigoroso cumprimento das obrigações e das ordens;
– a obrigação de tratar o subordinado dignamente e com urbanidade;
– zelar pelo preparo próprio, moral, intelectual e físico e, também, pelo dos subordinados, tendo em vista o cumprimento da missão comum; e
– cumprir e fazer cumprir as leis, os regulamentos, as instruções e as ordens das autoridades competentes. A ética é o ideal de comportamento (procedimento moral) que orienta o ser humano, em relação aos seus semelhantes, a decidir entre o bom e o mau, o justo e o injusto, o conveniente e o inconveniente, o oportuno e o inoportuno, o honesto e o desonesto, visando ao bem comum, à honra, à tradição dos serviços públicos. A ética é o arcabouço da Instituição.